domingo, 19 de janeiro de 2020

TRAIÇÃO E DEMISSÃO - RAFAEL BRASIL

Resultado de imagem para demossão do secretário da cultura"


Tudo leva a crer que o ministro Alvim foi traído por um assessor safado. É preciso muito cuidado com eles, que estão em toda parte num governo há décadas aparelhado pelos comunistas e colaboradores afins. Aliás, pra que secretaria de cultura, isso é coisa de fascista e comunista, enfim. Devia ter uma secretaria cuidando do patrimônio histórico nacional, que sempre andou em pandarecos. E até o ministério da educação devia ser extinto, ademais a educação devia ser entregue às comunidades, as universidades também. É muito burocrata ganhando fortunas para resultados pífios. Ao governo a destinação de verbas às parceiras com fundações e universidades realmente produtivas. E bolsas para os estudantes pobres que teriam possibilidades de acesso às universidades e escolas privadas. Gasta-se fortunas para manter burocratas e apaniguados, estes os principais exploradores do povo.
No caso do secretário de cultura, alguém que fez seu desastrado discurso, botou frases do ministro da propaganda de Hitler, Goebbels, e avisou a algum jornalista para, evidentemente tachar não só o secretário, como o governo Bolsonaro de nazista, ridículo, mas deu certo, pelo menos em parte. Provocou a demissão.
Aliás, o presidente devia falar diretamente com o povo em rede nacional de televisão, pelo menos uma vez por semana. Nunca vi tanta canalhice por parte da imprensa, é muita picaretagem. Aliás a grande maioria dos jornalistas foram formados por universidades onde o aparelhamento esquerdista é total. Além disso o governo está acabando com muitas mamatas dos meios de comunicação, que viviam às suas custas, ou seja, às nossas custas. Graças as redes sociais o povo discute e se mantém razoavelmente informado, aliás foram elas que garantiram a eleição do presidente contra tudo e contra todos os poderosos do chamado establishment.
Este ano a briga vai continuar, e a economia é que vai garantindo a popularidade do presidente, mas o sistema resiste em todos os sentidos. O boicote é geral, vai desde as universidades, a mídia, e o estamento burocrático do estado aí incluídos as altas cortes do judiciário, e claro, o congresso, em grande parte corrupto até a medula. A briga é boa, em outras palavras, do povo brasileiro contra essa gente. É a revolução democrática em curso, vamos acompanhar e lutar nas redes sociais e nas ruas contra toda essa canalha. Viva o povo brasileiro!

Nenhum comentário:

Postar um comentário