sábado, 21 de dezembro de 2013


sábado, dezembro 21, 2013


Ueba! Mamãe Noel Sapeca! - JOSÉ SIMÃO

FOLHA DE SP - 21/12

E olha esse anúncio: 'Peru Desesperado! Procuro fantasia de cachorro beagle para usar no Natal'


Buemba! Buemba! Macaco Simão Urgente! O esculhambador-geral da República! Atenção! Vai viajar nesse fim de ano? O Fluminense lançou uma companhia aérea: FLYMINENSE!. O avião mais seguro do mundo! Não cai nunca! E os aeroportos? A greve está suspensa. Mas os atrasos estão mantidos! Rarará!

E olha esse anúncio: "Peru Desesperado! Procuro fantasia de cachorro beagle para usar no Natal. URGENTE!". Aí o peru se fantasia de beagle e a Luisa Mell resgata ele do forno!

E acabo de receber o melhor kit de Natal: um CD do Luan Santana mais um litro de álcool, mais uma caixa de fósforos. BUM! Kit bomba! Kit Al Qaeda!

E adorei a charge do Marco Aurélio com os três Reis Magos: "Belchior, quem veio no lugar do Baltazar?". "O Barbosa!" O Barbosa, não! Tadinho do menino Jesus! Rarará! E como todo ano, o meu cartão de Natal pro Bolsonaro: "Meus votos são para que você nunca mais tenha votos".

E as retrospectivas? Ver tudo aquilo de novo? "Retrospectiva 2013! Só engordei!". Não é sempre assim? O que aconteceu em 2013? ENGORDEI! Rarará! "Retrospectiva 2013! ESQUECI!". É melhor esquecer mesmo! E a retrospectiva do chargista Luscar: "2013! Melhor deixar quieto". Isso! "Retrospectiva 2013! Melhor Deixar Quieto!".

Detesto retrospectiva! Retrospectiva é olhar a vida pelo retrovisor do carro! 2013 foi o ano do P: Protesto, Paulista, Propina, Papuda e Putaria! E foi o ano em que as bibas mandaram recados pro Feliciano: "Feliciano, quem foi o boy que partiu teu coração?". "Feliciano, não me cure, eu não tenho roupa pra ser hétero". Rarará!

Foi o ano do Gigante. O Gigante acordou e quebrou tudo! Os Black Brócolis! Foi o ano do spray de pimenta. E do antídoto: o vinagre. Foi o ano do Libertê, Egalitê, Vinagrê e Beyoncê! Rarará!

Foi o ano em que a avenida Paulista virou fetiche! Bastava juntar dez pessoas que já gritavam: "Vamos pra Paulista! Vamos pra Paulista".

E olha a fantasia de Mamãe Noel que eu achei num site erótico: "Mamãe Noel Pimenta Quente: um gorro, uma calcinha fio dental ou você prefere aquele velho barbudo?". Rarará! E o cartaz na padaria do bairro: "Nesse ano, deixe o seu peru em nossas mãos". Deixo ou não deixo? Rarará!

Nóis sofre, mas nóis goza!

Que eu vou pingar o meu colírio alucinógeno!

Nenhum comentário:

Postar um comentário