quarta-feira, 28 de julho de 2010

ESTÁ DIFÍCIL

Realmente está difícil votar. O que tem de candidato ruim não é brincadeira. Todo mundo sabe que voto em Serra, Jarbas, Marco Maciel e Jungman. Para deputado a coisa está dificil. Em quem votar? Na época de redemocratização, tínhamos muitos candidatos de opinião, oriundos em sua grande maioria da chamada classe média. Marcos Freire, Marco Maciel, Krause, Jarbas, Arraes, Arthur Lima Cavalcanti, e muitos outros que agora nem vem à memória. Hoje, movidos pelo dinheiro, atacam pela esquerda muitos candidatos sustentados ou pelos sindicatos pelegos, e pela própria corrupção estatal, ou mesmo os ricos de sempre.
E o pior: A banalização da política através da corrupção eleitoral faz com que a classe média não tenha condições de competir. Há muito precisamos de uma reforma política. Marco Maciel tem um dos poucos projetos a respeito, mas há mais de vinte anos dormita nos escaninhos do senado. O próprio Raul Jungman luta também para tal. Ainda não tenho candidato para deputado. Para estadual, penso em votar em Sivaldo Albino, que tenho ótimas informações, embora nem o conheça pessoalmente, e, ademais, isso não importa. É da região, que deve ser representada na fatídica e sempre governista assembléia estadual. Aliás, o número de deputados estaduais deveria ser reduzido pela metade. Para que tanto deputado estadual? Votaríamos em dois deputados, um em lista aberta, outra na lista fechada. Bem mas isso é outra história. Ainda estou pensando em quem votar para federal. Atenção políticos, não me procurem. Só tenho meu voto. Graças a Deus.

3 comentários:

  1. O vereador Sivaldo Albino reproduziu este artigo no blog dele, com destaque.

    ResponderExcluir
  2. NOTA DE AGREDECIMENTO


    Caro Prof. Rafael Brasil,

    Em primeiro lugar, gostaria de dizer que acompanho seus artigos no Correio Sete Colinas e recentemente também no seu blog.
    No último dia 28, li o artigo intitulado “Está Difícil”, que também foi transcrito no blog do jornalista Roberto Almeida, e me senti lisonjeado, quando após ler suas reflexões sobre a dificuldade de encontrar candidatos sérios que mereçam votos, lá estava o seguinte comentário: “Ainda não tenho candidato para deputado. Para estadual, penso em votar em Sivaldo Albino, que tenho ótimas informações, embora nem o conheça pessoalmente, e, ademais, isso não importa”.
    A possibilidade de vir a ter o seu voto, é mais um forte estímulo nessa minha decisão de assumir a candidatura a deputado estadual.
    Apesar de suas palavras finais no artigo serem: “Atenção políticos, não me procurem. Só tenho meu voto. Graças a Deus”, espero a oportunidade de conhecê-lo pessoalmente, para usufruir da sua experiência e dizer graças a Deus por conseguir conquistar mais um amigo verdadeiro.
    Por hora é agradecer a sua generosa atenção e fazer por onde eu possa atender as suas expectativas, que por ventura queira esperar de mim.

    Sivaldo Albino
    Vereador

    ResponderExcluir
  3. Professor, e quanto aos juízes do Maranhão passarem por cima da Ficha Limpa? As regras pra o Maranhão são mesmo outras?

    ResponderExcluir