quinta-feira, 30 de maio de 2013

AMISTOSO DA SELEÇÃO SUSPENSO PELA JUSTICA


Pé frio de Dilma entra em ação e Justiça do Rio suspende amistoso no Maracanã

Olho gordo – Engana-se quem pensa que a presidente Dilma Rousseff herdou de seu antecessor apenas as pílulas de ufanismo, a cartilha da mitomania, a inflação e a incompetência governamental. Na herança maldita deixada pelo messiânico e fugitivo Lula consta também o famoso “pé frio”, que transformou o ex-metalúrgico em persona non grata em inaugurações e apoio a esportistas.

A exemplo de seu mentor eleitoral, Dilma tem levado onda de azar locais e temas da Copa do Mundo. Depois de megalômano evento no Palácio do Planalto, onde foi lançada oficial e efusivamente a tal da “caxirola”, o instrumento musical inventado (sic) por Carlinhos Brown foi proibido pela FIFA nos jogos da Copa das Confederações. E essa decisão deve ser estendida à Copa do Mundo. Azar de quem acreditou nessa invencionice absurda e apostou fortunas em algo que é mera cópia.
Há dias, depois de ver a presidente Dilma Rousseff dar o primeiro pontapé na Arena Fonte Nova, em Salvador, os baianos foram tomados pela notícia que parte da cobertura do estádio cedeu por causa da chuva. Ou seja, nem mesmo os santos da Bahia foram capazes de neutralizar o pé frio de Dilma.
Na tarde desta quinta-feira (30), a juíza Adriana Costa dos Santos, da 13.ª Vara de Fazenda da Capital e que responde pelo plantão judiciário do Rio de Janeiro, concedeu liminar que suspende o amistoso entre Brasil e Inglaterra, no Maracanã, marcado para o próximo domingo (2).
O pedido para o cancelamento do jogo foi feito pelo Ministério Público, que solicita que a partida seja suspensa para “garantir a segurança”, até que sejam apresentados os laudos técnicos que comprovem que o estádio está em condições de sediar jogos e eventos.
Em seu despacho, a juíza foi clara: “Apesar das inúmeras solicitações feitas pelo Ministério Público, os laudos não foram entregues em sua totalidade, não havendo, até o momento, a comprovação de que o estádio apresenta os requisitos mínimos necessários para a realização de jogos ou eventos”.
Difícil será explicar aos ingleses que os cofres públicos foram saqueados em mais de R$ 1,3 bilhão para a construção de um estádio que não tem segurança e pode não funcionar durante a Copa das Confederações. Mais uma vez o pé frio de Dilma entrou em ação.
A incompetência que grassa de Norte a Sul conseguiu transformar um dito popular na mais completa tradução de um país de governantes irresponsáveis, pois o Maracanã agora é de fato apenas paa inglês ver.

Nenhum comentário:

Postar um comentário