quinta-feira, 25 de abril de 2013

CASUÍSMO BARRADO NO SUPREMO


EM PRIMEIRA MÃO – LIMINAR DE GILMAR MENDES SUSPENDE A TRAMITAÇÃO DE PROJETO QUE INIBE A CRIAÇÃO DE NOVOS PARTIDOS

O ministro Gilmar Mendes acaba de conceder uma liminar que suspende a tramitação do projeto que inibe a criação de novos partidos. Como é liminar, tem efeito imediato. Quem entrou com o mandado de segurança foi o senador Rodrigo Rollemberg (PSB-DF). A decisão de Mendes será, ainda sem data, apreciada pelo plenário.
Por Reinaldo Azevedo

Nenhum comentário:

Postar um comentário