sexta-feira, 16 de março de 2018

Ao contrário do que diz a organização criminosa do Lula e a TV Globo, Marielle não foi eleita pelas favelas. Na Maré, 50 votos; na Rocinha, 22 votos; já a burguesia da Zona Sul e Barra da Tijuca lhe deu 22 mil votos... Com O Antagonista

Ao contrário do que diz a organização criminosa do Lula e a TV Globo, Marielle não foi eleita pelas favelas. Na Maré, 50 votos; na Rocinha, 22 votos; já a burguesia da Zona Sul e Barra da Tijuca lhe deu 22 mil votos...

Com O Antagonista

Um mapeamento sobre os votos que Marielle Franco obteve em 2016 revela que a vereadora do PSOL, executada há dois dias, não foi eleita pelas favelas.

Cerca de 20 mil votos, quase metade dos 46 mil votos que elegeram a socióloga, saíram dos bairros nobres da Zona Sul carioca e da Barra da Tijuca, Zona Oeste.

Enquanto na Rocinha ela teve apenas 22 votos, no Leblon foram 1.027. Marielle colheu mais 1.900 votos em Laranjeiras e outros 2.742 votos em Copacabana.

Na também famosa Cidade de Deus, foram apenas 89 votos. Já na Freguesia, área de classe média alta de Jacarepaguá, a política do PSOL foi a escolha de 707 eleitores.

Na Grande Tijuca, Marielle teve um ótimo desempenho: 6.500 votos.

No Complexo da Maré, suposta base eleitoral da vereadora, foram apenas 50 votos.

Se incluirmos Ramos e Bonsucesso, esse número sobe para 2.196 votos – resultado distante do obtido entre o eleitorado de melhor poder aquisitivo.

4 comentários:

  1. PURA VERDADE!!! Levantamento ou mapeamento feito ao Tribunal Eleitoral do Rio de Janeiros pelos BLOGS LIMPOS(Não acreditem no que os BLOGS SUJOS falam eles vivem a soldo e são puxa-sacos do PT & PSOL!!!), Eis a votação adquirida pela defunta Marielle que é uma favelada, sapatão, negra, além de pobre e morava nos Cafundós do Judas: ela NÃO foi eleita pelas favelas, senão vejamos: Cerca de 20 mil votos, quase metade dos 46 MIL VOTOS que elegeram a socióloga, saíram dos bairros nobres da Zona Sul carioca e da Barra da Tijuca, Zona Oeste.

    Enquanto na Rocinha ela teve apenas 22 votos, no LEBLON FORAM 1.027, Marielle colheu mais 1.900 votos em Laranjeiras e outros 2.742 VOTOS EM COPACABANA. Na também famosa CIDADE DE DEUS, FORAM APENAS 89 VOTOS. Já na Freguesia, área de classe média alta de Jacarepaguá, a política do PSOL foi a escolha de 707 eleitores. NA GRANDE TIJUCA, Marielle teve um ótimo desempenho: 6.500 VOTOS. ATENÇÃO, PRESTEM BASTANTE ATENÇÃO!!! No Complexo da Maré, suposta base eleitoral da vereadora, foram apenas 50 votos. ISSO MESMO apenas 50 MINGUADOS VOTOS.


    P.S.: - AS zisquerdas É CONTRA A INTERVENÇAO NO RIO E ODEIAM A POLÍCIA MILITAR, MAS PERA AÍ: Por que o mundo inteiro respeita a Polícia? Por que o mundo inteiro precisa da Polícia? Não existe governo, não existe judiciário em nenhum lugar do mundo sem uma polícia. ATÉ EM PERNAMBUCO NÓS RESPEITAMOS E ACEITAMOS A POLÍCIA DE PAULO CÂMARA... Por que tanta tentativa de transformar essa vereadora em mártir? Ela representa o povo? Que povo? Qual segmento do povo? Do cidadão de bem ou dos maconheiros da esquerda?!?!?!

    ResponderExcluir
  2. O interessante é que a putada petralha se levanta não contra a bandidagem que, estupidamente assassinou a vereadora, mas contra a própria ordem democrática. Quanta canalhice desses cachorros do PT e do PSOL. Isso é o que podemos chamar de esquerda velhaca. Quando é que as ZISQUERDAS, em nome do bem-estar dos vivos, vão parar de fazer a exploração canalha de cadáveres?!?!?! Os que mataram Marielle são aliados do PT e do PSOL em ao menos uma coisa: ELES TAMBÉM QUEREM E TORCEM PELO FIM DA INTERVENÇÃO NO RIO.

    O jornalista Reinaldo Azevedo foi preciso ao comentar as respectivas notas de PSOL e PT, diz ele: “Diga-se, são asquerosas e demonstra a velha distorção moral da esquerda, que não tem receio nenhum de irrigar o solo de sua ideologia com o sangue humano, seja produzindo cadáveres, seja se aproveitando daqueles produzidos por outros”.

    A balela dessa corja das ZISQUERDAS é enojante e vomitatória. O que se vê é uma exploração vergonhosa da morte desta mulher. Coisa de nazista e fascistas, que não se importam em nada com a vida humana, donde, tudo é política, tudo em prol do partido e da ideologia. É simplesmente asqueroso, o que esta gente faz para conseguir o poder, defende milicianos, defendem o tráfico, tudo com objetivo de conseguir votos. Pedir o fim da Polícia Militar é uma coisa que qualquer pessoa de bem, jamais pensaria(NEM A POLÍCIA DO PAULO CÂMARA UM CIDADÃO DE BEM PEDIRIA SEU FIM!!!), só os canalhas, os fascistas de plantão é que levantam estas asneiras, tipo esses vagabundos das ZISQUERDAS.

    P.S.: - ESSES CAFAJESTES ESPERTOS ESTÃO SAPATEANDO SOBRE A COVA DE UMA VÍTIMA SEM UM PINGO DE DÓ, PAIXÃO OU SENTIMENTO DE PIEDADE... É PRECISO ACABAR COM A EXPLORAÇÃO CANALHA DE UM CADÁVER... A PROPÓSITO, QUANDO É QUE AS ZISQUERDAS VÃO ATACAR OS VERDADEIROS BANDIDOS?!?!?!

    ResponderExcluir
  3. Antes de todos nós, principalmente quem mora nas grandes cidades, virarmos a esquina e nos tornarmos vítimas, Dona Valentina de Botas, Gara Borralheira ou coisa que o valha nos lembra que, Em 2011, A JUÍZA PATRICIA ACIOLLI, que enquadrava policiais corruptos e integrantes de milícias, foi emboscada e abatida como um cadela com 12 tiros de fuzil no meio da rua, no Rio de Janeiro. Era uma mãe de família exterminada para a dor incurável de quem a amava, era o Estado de Direito sendo atacado, a democracia em perigo, etc., alertaram em vão os lúcidos. Ficaram caladas A ENTÃO PRESIDENTE DILMA ROUSSEFF e a EXTREMA-ESQUERDA que bradam agora as sandices da conhecida imoralidade que só enxerga a individualidade submetida à ideologia que suporta causas. Para esse pensamento torpe, não há brasileiros de ambos os sexos, de qualquer idade, profissão, credo, cor ou classe social sendo assassinados; o radar abjeto do CAFETÃO IDEOLÓGICO procura o CADÁVER MODELO, o CADÁVER CAUSA. O da vereadora Marielle Franco é perfeito nesse sentido; mas também é perfeito para os assassinos que, aparentemente, selecionaram alguém cuja morte poderia gerar tamanha repercussão entre os opositores da intervenção.

    P.S.: - EM BREVE, UM NOVO VÍDEO DE ANITTA, ALGUMA PICARETAGEM DO LULA INFORMANDO NOS BLOGS SUJOS QUE É HONESTO OU O NAMORICO DE SUB-CELEBRIDADES NOS FARÃO ESQUECER MARIELLE, ANDERSON E TANTOS OUTROS...

    ResponderExcluir
  4. A VERDADE NUA E CRUA É UMA SÓ: O CADÁVER DE MARIELLE ESTÁ SERVINDO DE BANDEIRA POLÍTICA PARA OS COMUNISTAS E OS MACONHEIROS DOS MOVIMENTOS ZISQUERDÓIDE...


    Assim como o escriba Sandro Silva(comentarista da blogosfera), eu concordo com ele em gênero número e grau. Ou seja, progresso e esquerdismo não combinam, é paradoxo. Portanto, a tendência do segundo é desaparecer para que o primeiro se estabeleça. Na verdade, a esquerda é a vanguarda do atraso, pois eis o bolsa esmola que não nos deixa mentir.


    Qualquer pessoa com um mínimo de sensibilidade sente muito pela morte desta vereadora tão nociva, com pensamentos tão perturbados, ideias tortas, visão totalmente distorcida da realidade. Mas, nem por isso, ninguém desejava a sua morte e o pior: de forma tão brutal!!! muito me decepciona ver pessoas que eu respeito no meio jornalístico louvando-a, se dobrando às patrulhas, demonstrando não terem personalidade. Que se lamente o assassinato, mas que não se enalteça quem em vida não fez por merecer ser enaltecida.


    A prova é tanta que, ela nunca se comoveu quando traficantes invadiam as casas de moradores pobres e os obrigavam a esconder drogas e armas, ou quando estes traficantes expulsavam moradores de suas casas e as ocupavam; quando estes criminosos aplicavam “correções” em moradores, que segundo eles seriam “alcaguetes” ou “X9” na linguagem da malandragem, correções estas onde raspam as cabeças de mulheres, batem nos rostos, queimam com cigarros, espancam, cortam, ou seja, torturam – isso quando não simplesmente matam no micro-ondas (onde a vitima é envolta em pneus, encharcada com gasolina e queimada viva).


    Segundo consta de sua biografia, a vereadora Marielle, era uma ultra esquerdista, com ideias nefastas e totalmente tortas, uma eterna defensora de bandidos, defendia liberação das drogas, era contra a intervenção federal na segurança do estado, defendia a doutrinação de esquerda nas universidades e escolas, pregava o ódio em tempo integral, pregava a divisão entre as pessoas – fosse entre brancos e negros, entre homens e mulheres, entre ricos e pobres.

    Nunca, em momento algum, no exercício de sua vereança se incomodou com a ocupação dos morros pelos traficantes, nunca questionou o absurdo da venda de drogas em mercado aberto nos morros, jamais se escandalizou com o total domínio dos traficantes, que andavam e ainda andam armados com armas de alto calibre pelas ruas de forma petulante, onde as pessoas têm de conviver com isso como se fosse algo natural.

    P.S.: - A VERDADE NUA E CRUA É UMA SÓ:
    O CADÁVER DE MARIELLE ESTÁ SERVINDO DE BANDEIRA POLÍTICA PARA OS COMUNISTAS E OS MACONHEIROS DOS MOVIMENTOS ZISQUERDÓIDE ...

    ResponderExcluir