quarta-feira, 12 de abril de 2017

DEZ INQUÉRITOS DE LULA - com O Antagonista

DEZ INQUÉRITOS DE LULA


Lula é citado por Edson Fachin em dez pedidos de inquérito.
Dez.
Esses inquéritos envolvem tudo aquilo que publicamos no passado: da conta corrente no departamento de propinas da Odebrecht às palestras fraudulentas, do estelionato das medidas provisórias à reforma do sítio em Atibaia.
Quem é o canalha que faz vazamentos mentirosos?

LULA: O PRIMEIRO INQUÉRITO

O primeiro e mais importante inquérito contra Lula relata os pagamentos de propina à ORCRIM comandada por ele.
Os pagamentos foram detalhados por seis delatores.
Marcelo Odebrecht fala sobre Lula e seus dois gerentes - Antonio Palocci e Guido Mantega - em 15 termos de depoimento.

LULA: O SEGUNDO INQUÉRITO

O segundo pedido de inquérito contra Lula trata dos pagamentos de propina por meio de palestras fraudulentas, a reforma do sítio em Atibaia e a compra do prédio do Instituto Lula.

LULA: O TERCEIRO INQUÉRITO

O terceiro inquérito contra Lula trata dos 4 milhões de reais repassados ao Instituto Lula pelo departamento de propinas da Odebrecht.

LULA: O QUARTO INQUÉRITO

O quarto inquérito contra Lula é aquele que envolve os pagamentos de propina para seu irmão, Frei Chico.
Não se trata de uma simples esmola.
Como explica Edson Fachin, "os pagamentos eram efetuados em dinheiro e contavam com a ciência do ex-presidente da República", e podem ser enquadrados no mesmo contexto dos repasses espúrios em favor do PT.

LULA: O QUINTO INQUÉRITO

O quinto pedido de inquérito contra Lula trata de seu trabalho como lobista da Odebrecht junto a Dilma Rousseff.
No caso, ele tentou beneficiar a empreiteira na hidrelétrica de Jirau, mas fracassou, porque Dilma Rousseff já havia favorecido uma concorrente.

LULA: O SEXTO INQUÉRITO

O sexto inquérito contra Lula trata do pagamento de propina para a campanha de Fernando Haddad, em 2008.
Não é uma caso de caixa 2.
A empreiteira repassou dinheiro a João Santana em troca de "medidas legislativas favoráveis aos interesses da companhia".

LULA: O SÉTIMO INQUÉRITO

O sétimo inquérito contra Lula apura o assalto à Sete Brasil.
De acordo com Marcelo Odebrecht, Lula decidiu ratear a propina de 1% sobre o valor dos contratos entre os funcionários da estatal e o PT.
Marcelo Odebrecht negou-se a fazer esse pagamento porque já havia repassado propina a Antonio Palocci e João Vaccari Neto.

LULA: O OITAVO INQUÉRITO

O oitavo pedido de inquérito contra Lula revela sua tentativa de obstruir a Lava Jato aprovando a MP 703, cujo propósito era anistiar as empresas corruptoras que assinassem acordos de leniência com a União.
Nesse caso, ele será investigado juntamente com Jaques Wagner.

LULA: O NONO INQUÉRITO

O nono pedido de inquérito contra Lula é uma beleza: os 3 milhões de reais pagos pelo departamento de propinas da Odebrecht à Carta Capital.
Leia um trecho da PET 6715 e, em seguida, veja Mino Carta no seminário do PT dizendo que a Lava Jato é a alavanca do golpe.

LULA: O DÉCIMO INQUÉRITO

O décimo inquérito contra Lula trata do dinheiro que o departamento de propinas da Odebrecht repassou para seu filho, Luleco.
Em troca desses pagamentos, Lula se comprometeu a fazer tráfico de influência junto a Dilma Rousseff.









Nenhum comentário:

Postar um comentário