quinta-feira, 16 de março de 2017

VIOLÊNCIA, O MAIOR PROBLEMA NACIONAL - RAFAEL BRASIL

Resultado de imagem para violencia no brasil 2017

A violência é de longe o maior problema nacional. Só quem não sabe disso são as chamadas elites políticas e acadêmicas. Para os políticos, a violência é uma questão de gerenciamento e inteligência, ou coisas do tipo. Para os acadêmicos a violência é legítima, pois reflete as desigualdades sociais, culminando na luta de classes. E nesta visão, caberia ao estado resolver as desigualdades, e concomitantemente a violência.
Enquanto os políticos não falam e os ditos intelectuais a legitimam, a violência , fruto da impunidade, corre solta em todos os rincões do país.
Em Pernambuco neste começo de ano, até agora já houve cerca de mil assassinatos. E em Recife e região metropolitana, o povão nem pode mais andar de ônibus. Só este ano já assaltaram quase uma centena. 
Por essas e outras Bolsonaro cresce nas pesquisas. E o povo se organiza numa campanha contra a malfadada lei do desarmamento. O estado nem tem condições de proteger o cidadão, nem dá chance para o mesmo se defender. Isso é coisa do demo mesmo. E tem que acabar.
Quando eu era menino, até meados dos anos 90, a violência era quase inexistente. Aqui no agreste era mínima. Tinha brigas de família, ou por questões de terra ou mesmo de honra, mas perfeitamente localizadas. E ninguém era doido de invadir um sítio para levar balas ou mesmo um tiro de espingarda 12.
Em suma, os políticos vão ter que enfrentar e debater esta questão. O Brasil tornou-se um dos países mais violentos do mundo, e não era assim. Quem tem mais de 50 anos sabe muito bem o que estou falando. E quem tem família não gosta de bandido. Afinal, bandido bom é bandido preso. Ou mesmo morto, quando é em defesa da família e da propriedade do cidadão. Alguém duvida?

2 comentários:

  1. Um dos comentários muito bem feito retratando um passado e uma violência local,regional,estadual e federal.Este tema precisa ser encarado por todas as autoridades civis e militares.A violência é o pior de uma administração pública seja municipal,estadual ou federal.

    De 1968 até hoje ainda não vi um prefeito de minha cidade contar vitórias nessa área.Às vezes a violência explode na própria família.E quando surge uma violência na cidade quase todo mundo se envolve dando suas opiniões e delatando os fatos.Muitos caros são elucidados pela família e por amigos.Não existe crime perfeito.Difícil se formar uma opinião quando ao desarmamento e o armamento da população.

    Com muitas armas as polícias correm atrás para desarmar,com poucas armas a polícia corre atrás para saber de onde partiu as violências.

    Seria muito bom que as pessoas envolvidas com a segurança pública mesmo anonimamente pudessem dar suas opiniões para tirarmos as nossas conclusões.

    Agora que o comentário feito pelo Professor Rafael Brazil tem sim sentido,claro que tem.Parabéns pelo comentário.

    ResponderExcluir
  2. É isso aí. O Brasil tem que enfrentar este problema. O desarmamento da população não é a solução para todos estes problemas, mas é um ítem importante. Só nos países totalitários desarmaram a população civil. Na Inglaterra fizeram isso e a violência dobrou, embora para os padrões de lá seja bem pequena.

    ResponderExcluir