quarta-feira, 11 de maio de 2016

Marcelo Odebrecht poderá detalhar em delação até conversas com Dilma Mônica Bergamo - Folha de São Paulo




A Odebrecht pode pesar a mão contra Dilma Rousseff na delação premiada que negocia com o MPF (Ministério Público Federal). Marcelo Odebrecht poderia detalhar inclusive encontros e conversas que teve com a presidente da República.

FALA MAIS
Já sobre Lula a empresa tem falado pouco, até agora, nas negociações com as autoridades. As reformas no sítio frequentado pelo ex-presidente, bancadas em parte pela empreiteira, já estão no pacote. Mas o MPF quer saber mais, especialmente sobre o eventual papel do petista nos negócios internacionais da construtora.

AS ESTRELAS
Marcela Temer, mulher de Michel Temer, e Michelzinho, filho dos dois, chegam nesta quarta (11) a Brasília. Eles devem aparecer ao lado do vice-presidente no pronunciamento que fará ao país se assumir a Presidência nesta quinta (12).

EU PROMETO
Além de elogiar a Operação Lava Jato, Temer deve citar os programas Bolsa Família, Minha Casa, Minha Vida, Pronatec e ProUni para afastar a ideia de que esvaziará a área social. "Ele vai dar sinal de confiança ao mercado e esperança aos mais pobres", diz interlocutor que discute com o vice o conteúdo da fala.

ORDEM...
Temer pretende dar recado também aos movimentos sociais que prometem "infernizar" seu governo. Estuda incluir no discurso palavras e expressões como "autoridade" e "segurança jurídica", além das já previsíveis "eficiência" e "decência". Estuda também lançar, com essas ideias, um slogan de sua provável administração.

...E PROGRESSO
O vice analisava nesta terça (10) a conveniência de anunciar, já no discurso, medidas econômicas de seu eventual governo. Havia a alternativa de deixar essa parte da fala para entrevista de Henrique Meirelles, que comandará a Fazenda.

PLANILHA
Meirelles apresentou nesta terça (10) alguns números que mostrariam sinais de melhora na economia para dar algum alento ao vice.

O PIB
Eduardo Eugênio Gouvea Vieira, presidente da Firjan (Federação das Indústrias do RJ), foi recebido por Temer nesta terça (10) em Brasília. Na segunda (9) o vice já tinha conversado com o empresário Abilio Diniz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário