segunda-feira, 16 de maio de 2016

Como o PT quebrou a Petrobras - com O Antagonista



O relatório secreto da McKinsey sobre a Petrobras escancara as culpas do PT e mostra como Lula e Dilma Rousseff quebraram a empresa.
Entre as práticas mais doentes da Petrobras estão:
- Casos de corrupção na alta gerência da empresa.
- Constante aumento de custos de pessoal.
- Promoções sem mérito.
- Elevada burocracia e baixa visão de resultados.
Para a McKinkey, um dos fatores mais daninhos para a empresa foi a bandeira petista do conteúdo local, que só aumentou os custos (e a roubalheira) e diminuiu a qualidade.
Diz o relatório:
- A média de duração de projetos de construção de FPSOs (plataformas) no Brasil é 68% maior do que a média internacional.
- Para construções de FPSO, os custos da Petrobras alcançam 350% dos de outras companhias.
- A Petrobras possui 1.515 pedidos de patente no mundo; A Shell Group possui mais de 16.000, a Total mais de 9.600 e a Chevron mais de 8.300 pedidos.
- O atraso médio da construção nos estaleiros é de 12 meses.
- Estaleiros locais possuem pouca experiência na construção de sondas e FPSOs. Experiência em construção de cascos muito limitada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário