domingo, 26 de julho de 2015

A bomba que não explodiu


Fernando Gabeira também se surpreendeu com o desinteresse das pessoas pela mensagem em que Marcelo Odebrecht disse ter bancado a campanha de Dilma Rousseff com dinheiro roubado da Petrobras e depositado na Suíça:
"Recados como este a Edinho Silva, tesoureiro da campanha de Dilma: avisa a ela que pode aparecer a conta da Suíça. Não é preciso grandes decifradores para supor que a campanha do PT foi feita com dinheiro que veio da Suíça. Bem que desconfiei. Uma campanha tão bem educada: a grana vinha da Suíça. Esse tópico é tão interessante que quase todos fingiram não notar, como se não olhar para a bomba impedisse que exploda".

Nenhum comentário:

Postar um comentário